Reconstrução
Notas

A reestruturação continua prologada

Na verdade o título deste post é apenas uma referência ao primeiro album da banda Charlie Brown Jr. Aleatoriamente, foi o primeiro nome que me veio à mente quando pensei em um título para o artigo. E nitidamente não existe nenhuma relação com as letras do citado album. Mas continuemos.

Data de 2017 a minha última publicação aqui, e muita coisa aconteceu desde então. Sabemos que a nossa inspiração não é inesgotável, mas também precisamos ter em mente que a constância é mais forte que o talento.

2017 x 2019

Minha vida era completamente diferente em 2017. Hoje leio os artigos que escrevi naquela época e percebo que muita coisa mudou, principalmente na minha escrita. Mas a linearidade e coerência do meu pensamento continuam semelhantes.

Eu tenho total noção de que artigos como este são pouco interessantes para leitores comuns, e talvez até para alguns assíduos. No entanto, são importantes e necessários. Depois de dois anos sem nenhuma publicação aqui, uma atualização é requerida.

O que vem pela frente?

Nos artigos seguintes eu iniciarei uma nova fase aqui no blog. Falarei sobre tudo que envolve minha vida agora e que pode gerar interesse em terceiros. Eu sempre enxerguei este blog como um amigo que está sempre disponível para conversar comigo, e a partir de agora darei uma maior ênfase a isso.

Sempre que converso com amigos, alunos e conhecidos, muitos me sugerem a publicação de conteúdo na internet. Obviamente que o primeiro canal de publicação que sugerem é o YouTube, mas também existem as outras possibilidades. E foi justamente por observar esses comentários, durante anos e anos, que percebi que as pessoas se interessam pelas coisas que digo.

Discorrer sobre a relevância dessas opiniões será o que faremos aqui. Portanto, temos um caminho introspectivo pela frente.

Já nos próximos artigos comentarei sobre o meu novo estilo de vida, que tem o Minimalismo e o Vegetarianismo incorporados. Responderei às muitas perguntas que escuto diariamente, principalmente sobre o fato de eu ter me tornado vegetariano.

Ci vediamo presto!

Natural de Salvador, Manlei Santeoni tem 27 anos de idade, é apaixonado por literatura, filosofia e uma boa música. Escreve para a internet há alguns anos e é aficionado por cadernos ─ onde a maioria de seus textos é iniciada. Junto com sua paixão pela música e pela natureza, Santeoni também é contador de histórias, e seu primeiro livro a ser publicado já está em produção. Adicionada a tudo isso está a sua alta estima pela Língua Portuguesa ─ principalmente quando bem falada e bem escrita.